Fale conosco pelo WhatsApp

Infiltração Intra-articular: O que é?

Médico aplicando infiltração intra-articular
Imagem meramente ilustrativa (Banco de imagens: Shutterstock)
Por: Publicado em 18/02/2022

Entenda mais sobre essa técnica que ajuda no alívio de situações inflamatórias em diversas articulações do corpo

A infiltração intra-articular é um procedimento médico ambulatorial que consiste na administração de um medicamento diretamente na articulação. Isso é feito com auxílio de uma cânula, que é inserida no espaço conhecido como intra-articular.

A infiltração intra-articular pode ser aplicada para aliviar a dor em diversas articulações do corpo, tais como:

  • Ombro;
  • Quadril;
  • Joelho;
  • Cotovelo.

Trata-se de um procedimento simples, rápido e de baixa complexidade, quando realizado por profissional competente. Esta técnica é uma forte aliada no tratamento para doenças como artrose, tendinite e bursite, uma vez que a injeção permite o manuseio direto de substâncias que permitem combater a dor e as inflamações, como anestésicos e corticoides.

A técnica também é utilizada para introduzir medicações para um tratamento local, como o ácido hialurônico.

Doenças que podem ser tratadas a partir da infiltração intra-articular

A artrite reumatoide é uma das muitas artropatias inflamatórias crônicas existentes. Se não combatida, ela pode causar lesões sérias em todos os componentes articulares, inclusive no osso. Além da dor, a consequência desse tipo de problema pode ser a deformidade, que evolui para o prejuízo funcional do paciente.

Esta técnica é uma forte aliada no tratamento de doenças como artrose, tendinite e bursite.

Medicamentos envolvidos no procedimento

A infiltração intra-articular faz parte de um arsenal de medidas conservadoras que o médico pode adotar para tratar doenças inflamatórias. O efeito que se espera desse procedimento é a diminuição da espessura da membrana sinovial, responsável pelo revestimento de grande parte das articulações e que se encontra inflamada e de tamanho elevado em pacientes vítimas de qualquer tipo de atrite.

A membrana sinovial inflamada, cujo nome na artrite reumatoide é pannus, é muito agressiva e pode invadir e destruir estruturas articulares. São muitas as medicações utilizadas na infiltração intra-articular, como corticosteroides, anestésicos  e ácido hialurônico.

Derivados do já mencionado ácido hialurônico são indicados em casos de articulações com artrose (osteoartrite), já que apresentam efeito local analgésico e anti-inflamatório. É válido reforçar que, dentre todas as medicações utilizadas, as mais recorrentes são os corticosteroides, substâncias com alta potência anti-inflamatória.

Os corticosteroides atuam na articulação inflamada, trazendo a diminuição da concentração de células inflamatórias da membrana sinovial lesionada e de seus produtos lesivos. Eles existem sob o formato de diversos produtos, mas já existe comprovação de que os corticosteroides sintetizados sob a fórmula de microcristais são os mais efetivos para serem utilizados na infiltração intra-articular.

Existem diversos estudos que comprovam a efetividade do procedimento da infiltração intra-articular. Tal procedimento apresenta resultados em tempos que podem variar de 90 dias até mais de um ano, a depender da medicação escolhida pelo médico, da articulação infiltrada e do tempo de repouso articular depois de sua aplicação.

Contraindicações

Existem algumas contraindicações à utilização da infiltração intra-articular, como infecção na articulação onde a medicação será aplicada, distúrbios severos de coagulação sanguínea e a utilização de prótese na articulação.

Uma utilização incorreta desse tipo de intervenção pode provocar resultados insatisfatórios, seja referente a:

  • Indicação;
  • Habilitação técnica para utilizá-la;
  • Número de sessões feitas;
  • Medicação escolhida.

Em grande parte das vezes, a infiltração intra-articular pode ser feita sem o uso de aparelhos que orientem o médico na busca pelo espaço intra-articular. Quase todas as articulações podem ser submetidas a esse tratamento.

No entanto, as artrites crônicas que acontecem em articulações como o ombro e o quadril precisam ser tratadas com a ajuda de aparelhos de imagem, como a ultrassonografia e a radioscopia.

Para entender melhor sobre a aplicabilidade da infiltração intra-articular e quando ela se faz necessária para o seu tipo de problema, agende uma consulta com o Dr. Rafael Azzem e tire todas as suas dúvidas.

Fontes:

Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia;

Dr. Rafael Azzem Ortopedista e Traumatologista.

Marque agora sua

CONSULTA COM ORTOPEDISTA E TRAUMATOLOGISTA

Ao clicar em enviar os dados, você concorda com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE

>